Mais de 15 dias sem escrever por aqui, uma crise de inspiração internética terrível. Mas tudo curado depois deste sábado. Fui ao tão esperado Intercon! Ufa! Eu e o Vini loucos para inscrever uma galera enorme e quando nós resolvemos tudo, veio o desespero: INSCRIÇÕES ESGOTADAS! Chorei, chorei de verdade. Mas como Liginha não aceita não como resposta, dá-lhe pedir ajuda aos amigos… Falei com meio mundo, que pagaria até mais caro e nada. Já estava desanimando quando o Fabio Seixas me chama no GTalk para papear e pergunta: você vai no Intercon? Não… acabaram as inscrições quando entrei no site para me inscrever.. snif Não seja por isso… eu te arranjo um convite. Juraaaaa??? Tu vai para o céu, meu amigo. Sem escala, ainda por cima! E assim o Sr.Camiseteria fez uma UpaLupa feliz! Maaaaaaaaaaaas, a alegria não parou por aí… Recebo um e-mail do Luli para tratar das pautas do JumpCast e ele oferece outro convite! Foi Deus mesmo! Eu digo: Poxa Luli, eu já consegui um, mas não queria deixar meu amigo Vini de fora… tu ajuda ele? Claro, UpaLupa, seu desejo é uma ordem! E depois dessa eu fui até Marte e voltei. Fica aqui meu agradecimento público as duas figuras que mais respeito na internet. Eu nunca poderia experimentar a maravilha que foi o Intercon, sem a ajuda de vocês. Obrigada mesmo.

InterCon 2008

Chego no Shopping Frei Caneca, aquela muvuca de gente com selo de interneteiro na testa e um certo atraso deixa o povo fritando de calor e impaciência. Uma criatura loira atrás de mim (nada contra as loiras, mas aquela em especial honrava todas as piadas), com voz de gralha ,ficava no blábláblá de reclamações e a minha vontade era dizer: Minha filha, vai tentar organizar um troço desta magnitude antes de achar que meu ouvido é pinico! Ô povinho sem noção! O Bate-papo que é 100x menor que o Intercon já dá um trabalhão… Minha vontade era entrar para oferecer ajuda: Ei, posso fazer alguma coisa? Precisam de uma mãozinha? Longe de mim criticar algo, isso não leva a nada. E outra: valeu a pena esperar… Mas enfim entramos no auditório. Coisa mais linda… Sonho um dia lotar um auditório como aquele.

A idéia de oferecer duas palestras simultaneamente no mesmo palco foi ótima e ter presenciado sua realização foi magnífico! Ainda mais para quem está aprendendo a organizar eventos para este tipo de público, como eu. Até os momentos de interrupção por problemas técnicos foram divertidos, graças ao jogo de cintura da equipe organizadora e dos palestrantes. Tudo bem que, como disse o Cris Dias, o Luli quase teve um filho pelo bico do peito, mas na parte da tarde, depois da palestra do Ariel, vi meu amigo Luli chorar de alegria e isso não tem preço.

Prova de que o próprio evento era pura inovação foi que este modelo nunca fora antes realizado no Brasil e talvez no mundo. O evento foi apresentado por Fabio Seixas — sócio-criador do Camiseteria — e Luli Radfahrer — professor-doutor da USP — (Os meus queridos de que já falei…), e reuniu cerca de 850 profissionais de internet. Só para terem uma idéia, as inscrições esgotaram-se mais de um mês antes do evento. Eu não fui a única desesperada pois a fila de espera reunia mais de 500 pessoas.

InterCon 2008

Logo antes do almoço, o grupo de humor Deznecessários ainda realizou um breve (porém, muito divertido)  espetáculo, adorei a parte do BigMac (risos), e acabou proporcionando um momento de quebra muito bacana, deixando de lado o stress do 1º round.

Posso afirmar que o conjunto de palestras foi o que fez o evento valer muuuuuuuuuuuuuito a pena. A equipe foi formada pelo  Stelleo Tolda do Mercado Livre (Amigo, desculpe, nem consegui te dar um abraço), o Ariel Alexandre, do Videolog; Cris Dias, da Vilago; Daniel Heise, da Direct Talk (Achei linda a declaração de amor que ele fez no final, não poderia deixar de citar); Gil Giardelli da Permission; Frederick van Amstel, do Usabilidoido (Com sua dancinha muy sexy); Marco Gomes, do boo-box; e o Manoel Lemos, do BlogBlogs.

Pra finalizar o evento, o grupo Fat5 — formado pelo Muniz Neto, da Bullet; Jean Boëchat, da JWT; Ricardo Cavallini, consultor; Ken Fujioka, da JWT; e Patrice Lamiral, da RMG Connect — foi ao palco de forma muito irreverente e divertida.

Que venha a edição de 2009 e fica um manifesto: UpaLupa quer um espaço para mulheres no Intercon! Só têm cueca apresentando, poxa! Eu já me candidato e começo a treinar agorinha…rs Já pensou, que engraçado? Terei que usar salto plataforma para o pessoal me enxergar.

Depois de tudo uma turma foi para o bar e rolou um #Nob (Nerds on Beer). Muito papo cabeça com o Mau-mau, Gilberto e Michael da Amanaiê, Paulo da Psyco, Mackenzy do VideoLog, Fernando e Fugita do Polvora, Lucia Freitas da LadyBug, meu migo Vini todo alegre detonando as tequilas e mais uma turma regada a muitas brejas, sarau de poemas calientes e uma passada do Luli para nos agradecer (Deixa disso, nós é que te agradecemos, mestre).

Quando cheguei em casa, moída, parei para refletir e veio uma sensação boa de que escolhi a coisa certa para fazer na minha vida. Amo trabalhar com inovação, redes, pessoas, gente com sede por conhecimento, colaborativa, isenta de estrelismo e sem preconceitos. Ali estava cercada de gente que não tem medo de arriscar, de ser diferente, de tentar fazer as coisas de outro jeito. De todas as idades e condições sociais. Empreendedores, formadores de opinião, guerreiros, vencedores.

Parabéns a todos os participantes do Intercon! Sinto-me muito orgulhosa de pertencer a este grupo e continuo lutando para que em cada Bate-papo mais e mais pessoas contaminem-se com este espírito inovador de ser. Este grupo não quer ficar fechadinho, seleto, quer espalhar essa onda de gente jovem (não na data de nasc, mas no jeito de pensar), quer dizer para o mundo que não haverá mais espaço para a cópia e mesmice, mas muito espaço para quem faz a diferença e faz do seu trabalho uma fonte de satisfação e ajuda ao próximo, sem esquecer a lucratividade. É mais do que possível ganhar a vida sendo honesto, original e inovador. Mãos à obra!

Abraços UpaLupas inspirados

Anúncios